Olá, amigo fã de Chaves!

O Blog Volta Perdidos mudou de nome e endereço! Acesse o nosso novo blog, O Baú do Chaves, para ver o melhor conteúdo das séries de Chespirito:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

1 de dezembro de 2012

Será?: Chapolin e Chaves poderão voltar ao horário do almoço no SBT


Não há nada confirmado, mas já se comenta  nos bastidores do SBT uma mudança na programação vespertina do canal. Devido as constantes derrotas para Geraldo Luis, as séries “As Visões da Raven” e “Eu, a Patroa e as Crianças”, poderão deixar a grade e serem substituídas por outros enlatados.
 
Os mais cotados para ocupar os horários deixados pelas séries americanas são os mexicanos “Chapolin” e “Chaves”, que sempre fizeram bonito nesse horário.
 
Por outro lado, alguns executivos são contra a mudança e acreditam em um melhor desempenho das atrações com a chegada das férias de final de ano.





fonte: TV Foco

11 de outubro de 2012

14 episódios inéditos do “Chaves” já foram dublados

 
O SBT  divulgou recentemente que o estúdio de dublagem RioSound já dublou 14 novos episódios da série “Chaves”. A empresa de dublagens recebeu ordens de ser o mais fiel possível a antiga dublagem que era feita pelos estúdios Maga.
Membros do fã-clube oficial da série foram chamados para ajudar na adaptação dos roteiros e na sonoplastia. Serão utilizadas as BGM´S que eram usadas pelos estúdios Maga em sua dublagem original dos anos 80 e 90.
O dublador original do personagem Chaves já faleceu e por conta disso, e voz dele será diferente.

Quem é a voz de quem:
Daniel Müller (“Chaves”), Vinicius Sousa (“Quico”), Marco Moreira (“Seu Madruga”), Cecília Lemes (“Chiquinha” e “Paty”), Sandra Mara (“Chiquinha” e “Dona Neves”), Gustavo Berriel (“Seu Barriga” e “Nhonho”), Marta Volpiani (“Dona Florinda” e “Pópis”), Osmiro Campos (“Professor Girafales”) e Beatriz Loureiro (“Dona Clotilde”).
1 – “Marteladas” (Primeira versão da “Saga dos carpinteiros”)
2 – “Sustos na vila” (Mais conhecida pelo título de “Filme de terror”, é a primeira versão de “Eu não acredito em fantasmas, mais existem…”)
3 – “Os bombeiros”
4 – “Entre touros e chifradas” (Primeira parte de “Os toureadores”)
5 – A Guerra é de terra (Mais conhecida pelos títulos de “O Castigo do Quico” ou “A plantação de ovos”)
6 – “O exame de recuperação” (Segunda parte da trilogia “O castigo vem a cavalo”, que o SBT exibe normalmente sua terceira parte e cuja sua primeira parte é mundialmente perdida e inédita no Brasil)
7 – “A venda da vila” (Segunda parte)
8 – “O Festival da boa vizinhança” (Última parte)
9 – “Pintando a vila” (Segunda parte, mais conhecida pelo título de “Abre a torneira”)
10 – “Um gesseiro de mão cheia” (Primeira parte, mais conhecida pelo título de “As paredes de gesso”)
11 – “Batendo uma bolinha” (Segunda versão, mais conhecida pelo título de “Jogando bola”)
12 – “Vai graxa?” (Inédita no Brasil)
13 – “O Engraxate” (Segunda parte) – (Inédita no Brasil)
14 – “Vamos ao parque?” (Primeira parte, mais conhecida pelo título de “O parque de Diversões”)




Com informações do Televisa BR

21 de julho de 2012

Jaiminho, o Carteiro, vai virar estátua em Tangamandápio

Santiago Tangamandapio, a cidade que foi imortalizada em nível mundial graças ao personagem Jaiminho, o Carteiro, do Chaves, corresponderá a fama ao ator Raúl "Chato" Padilla, com a construção de um monumento nessa localidade do Vale de Zamora.


Em 25 de Julho se apresentará a figura de bronze do peculiar carteiro que durante décadas nostalgicamente lembrava do lugar de seu nascimento como "uma pequena aldeia com crepúsculos de nuvens vermelhas."

Antonio Campos, porta-voz do município de Tangamandapio, disse que as autoridades municipais pretendem promover o turismo aproveitando da fama que lhe deu o personagem criado por Roberto Gómez Bolaños.

"Mas a estátua é também uma forma de dizer ao mundo que sim existe Santiago Tangamandapio e não é uma população imaginária como muitas pessoas acreditam", disse o funcionário municipal.



O comunicador disse que a frase mencionada por Jaiminho, o Carteiro, surgiu porque Raul "Chato" Padilla pegou uma lista telefônica com a intenção de encontrar o nome de uma pitoresca aldeia onde ele poderia encontrar um lugar de nascimento para o personagem que ele caracterizava, nas páginas do guia localizou os nomes e os municípios de Tingüindín e Santiago Tangamandapio e escolheu a segunda opção porque lhe pareceu memorável e peculiar.

Raul "Chato" Padilla era oriundo de Monterrey, Nuevo Leon, mas em uma ocasião visitou Santiago Tangamandapio convidado pelas autoridades municipais e os habitantes, que queriam lhe agradecer por ter colocado o nome da cidade a nível mundial.

Em sua visita, o ator pôde conversar com os moradores, que estão acostumados a ver os amanheceres avermelhados como ele descrevia, inclusive naquela ocasião se reuniu com o carteiro do município para tirar a foto obrigatória.

Fonte: Fórum Chaves

Edgar Vivar é recebido por fãs em Porto Alegre

Fã de 'Chaves', o publicitário Mário Pertile entrega um presente ao ator Edgar Vivar. Foto: Lucas Rohãn/Terra
Foto: Lucas Rohãn / Terra
 O ator mexicano Edgar Vivar, 73 anos, famoso por ser intérprete dos personagens Senhor Barriga e Nhonho no seriado Chaves, desembarcou por volta das 9h deste sábado (21) em Porto Alegre (RS) e foi cercado por fãs no aeroporto. Ele veio ao Brasil para apresentar um show criado especialmente para o público do País, neste domingo (22). "Vai ser o que eu sei fazer para retribuir esse carinho", disse.

Vivar reuniu dezenas de pessoas no saguão do aeroporto Salgado Filho. Ignorando os pedidos dos seguranças para seguir até o carro, ele parou e atendeu a todos. Distribuiu autógrafos, sorrisos e posou para fotos.

"O Brasil foi o último país de toda a América Latina a começar a exibir o Chaves e hoje em dia é o que tem mais fãs", disse, em português, o intérprete do dono da vila onde se passa quase toda a história da série. O ator começou a estudar português logo depois de sua primeira visita ao Brasil.

O show que será apresentado na noite de domingo para o público de Porto Alegre mistura histórias, músicas cantadas nos episódios da série, como Jovem Ainda ou Que bonita sua roupa, e vídeos feitos pelo próprio Vivar com uma câmera amadora nas gravações dos seriados. Além dos personagens Senhor Barriga e Nhonho, no Chaves, Edgar Vivar ainda interpretou diversos papéis no Chapolin.

O ator Gustavo Berriel, atual dublador dos personagens de Vivar na versão em desenho animado da série, também participa do show. "Eu faço as vozes do Senhor Barriga e do Nhonho e também do Jaiminho, o carteiro, e converso com ele, brinco", conta.

Fonte: Portal Terra

 
Este blog é independente, sem vínculo com a Televisa © ou quaisquer outras emissoras transmissoras das séries de Chespirito | Desing de Roberto Cirilo (Sam RC)